O governador Beto Richa autorizou nesta sexta-feira (19/10) a nomeação de 421 aprovados em concurso para o Quadro de Pessoal da Polícia Civil do Paraná. Serão chamados 245 escrivães, 106 investigadores e 70 papiloscopistas, conforme o decreto 6.263/12.

Richa também assinou decreto de promoção, por antiguidade e merecimento, de 273 agentes da Polícia Civil. “Cumprimos assim um grande compromisso assumido com toda a classe, de valorização, aumento do efetivo e fortalecimento da instituição. Foram meses de trabalho para chegarmos a esse momento”, disse o governador.

De acordo com Richa, as nomeações e promoções representam o esforço do Governo do Estado, em conjunto com o Tribunal de Contas, em solucionar uma pendência de anos. “Vencemos mais uma etapa da situação da Polícia Civil com um processo que exigiu empenho pessoal e muito diálogo da equipe de governo”, afirmou.

O secretário de Estado da Segurança Pública, Cid Marcus Vasques, destacou que as nomeações representam um aumento de 10% do efetivo da Polícia Civil. “Isso mostra a disposição do governo em aumentar o quadro de policiais no Estado para oferecer à população paranaense melhores condições de segurança pública”, disse. Vasques lembrou também que o governo já investiu na a valorização dos policiais do Paraná, que hoje são os mais bem remunerados do País.

O delegado-geral da Polícia Civil, Marcus Michelotto, destacou a importância das contratações para agilizar a elaboração e a conclusão de inquéritos policiais, o que contribui para que não haja sensação de impunidade. “Mais 245 escrivães, por exemplo, dará maior eficiência à elaboração dos inquéritos”, afirmou.

Promoção

Richa autorizou a promoção de 195 investigadores de polícia: 82 da 2ª classe para a 1ª classe, sendo 33 integrantes por antiguidade e 49 por merecimento; 78 da 3ª classe para a 2ª classe, sendo 31 integrantes por antiguidade e 47 por merecimento; 17 da 4ª classe para a 3ª classe, sendo sete integrantes por antiguidade e 10 por merecimento; 18 da 5ª classe para a 4ª classe, sendo seis integrantes por antiguidade e 12 por merecimento.

Também foram promovidos 78 escrivães: 14 da 2ª classe para a 1ª classe, sendo seis integrantes por antiguidade e oito por merecimento; 43 da 3ª classe para a 2ª classe, sendo 17 integrantes por antiguidade e 26 por merecimento; 21 da 4ª classe para a 3ª classe, sendo oito integrantes por antiguidade e 13 por merecimento.

http://www.policiacivil.pr.gov.br/modules/noticias/article.php?storyid=6417&tit=Governo-autoriza-nomeacao-de-421-novos-profissionais-para-a-Policia-Civil-

Leave comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *.