INFORMATIVO SIDEPOL – 28/07/2014 –  Próximas ações do SIDEPOL.

 

Informamos à todos os Delegados de Polícia que estaremos monitorando e fazendo todo o esforço para a efetivação dos pagamentos das indenizações por remoção e progressões, já autorizados pela Administração. Estamos também atentos à questão do Almanaque referente às promoções de 2014, uma vez que isto pode acarretar sérios prejuízos aos Servidores da Polícia Judiciária com o entendimento de que o pagamento das promoções é a partir da data de Decreto de Promoção. Sem a conclusão dos trabalhos por parte da Polícia Judiciária, fica impossível pressionar o Governo para efetivar estas promoções.

A Diretoria

 

INFORMATIVO SIDEPOL – Grupamento Aéreo.

 

Noi dia 25/07/2014, o SIDEPOL teve reunião no quartel do Comando Geral da Polícia Militar para tratar da questão relacionada ao novo modelo de gestão e funcionamento do antigo GRAER, que passará novamente a contar com Delegados de Polícia e Investigadores com treinamento específico para a missão. Ficou acertado que o texto com as modificações será encaminhado ao Exmo. Sr. Secretário de Segurança ainda nesta semana. Este trabalho conjunto possibilitará estreitar  ainda mais os laços com a Polícia Militar, pois por ocasião da implantação do Pacto pela Legalidade, Moralidade e Cidadania queremos que cada Instituição se dedique de forma integral à sua missão Constitucional, o que sem dúvidas contribuirá para proporcionar à sociedade Paranaense uma segurança pública de excelência.

A Diretoria.

 

INFORMATIVO SIDEPOL – Delegacias de Polícia, Centros de Promoção da Cidadania.

 

A Diretoria do SIDEPOL informa à todos os Delegados de Polícia que agendará reunião com o Presidente do Tribunal de Justiça do Paraná com o objetivo de fazer com que o Poder Judiciário assuma suas responsabilidades no que tange à objetos e armas apreendidos em inquéritos policiais. Não podemos mais assumir obrigações extras que só tem contribuído para colocar em risco a carreira de nossos Policiais e denegrir a imagem de nossa Instituição perante a sociedade. Portanto queremos por um fim à responsabilidade que nos foi transferida ao longo dos anos, tais como a guarda de presos, depósito de veículos apreendidos, depósitos de armas e armazenamento de drogas. A Polícia Judiciária não pode mais fazer o papel de depositário público, investindo verbas da Segurança Pública para solucionar questões atinentes ao Poder Judiciário. Estas  rol de medidas visa a implementação das ações previstas no Pacto pela Legalidade, Moralidade e Cidadania que será lançado em breve e tem como um dos objetivos transformar as Delegacias de Polícia Judiciária em ambientes confortáveis e seguros, firmando estas como Centro de Promoção da Cidadania. Contamos com o apoio e dedicação de todos.

A   Diretoria.